3 dicas para alcançar sua meta, elevar sua saúde e manter a forma sem sofrimento.


Pessoas sofrem com dietas e efeitos sanfonas todos os dias. Algumas passam anos assim, nesse sofrimento. Como encontrar o equilíbrio exato entre meta e prazer, é uma incógnita para muita gente. 

Existem dois momentos durante a semana da grande maioria das pessoas:

- Os dias de semana, onde se mantém o controle, se come alimentos restritos e ponderados, seguindo corretamente a dieta. Sofre-se alguns sacrifícios, utiliza-se do poder da boa vontade até a última gota. - E os finais de semana, onde estamos exaustos. Somos seres livres, merecedores de felicidade e prazer. O grande problema é que o corpo não sabe a diferença de dia da semana pra final de semana nem feriado. O nosso metabolismo não possui calendário ou cronômetro. A lógica segue o princípio de estar nutrido ou não, inflamado ou não, exaurido ou não. Se você expõe seu corpo a um lapso de equilíbrio, depois a excessos, ele nunca irá entender a mensagem de que terá definitivamente ferramentas para combater inflamações, regenerar tecidos, reconstruir danos e produzir novas coisas para o organismo. Sim! Corpo bem nutrido faz tudo isso. Tem mais armas para combater inflamações, alergias e eventualidades que a nossa saúde sofre constantemente. A imunidade prospera, a boa resistência atua. Por consequência, a boa forma vinga, os resultados esperados da academia aparecem com a eliminação dos excessos (peso, gordura, líquidos, etc). Em outras palavras: enquanto você continuar deixando os alimentos saudáveis somente para os dias de semana, num ar de protocolo e obrigação, e associar o prazer ao fim de semana regado a alimentos pesados e munidos de substâncias que fujam do seu objetivo, a mágica de sua mudança não irá acontecer. Sua mente irá contra você, seu corpo também. Você sofrerá à toa, enfrentará um efeito sanfona vitalício e o pior: restringirá momentos de prazer (que merecemos, precisamos e desejamos) somente a 2/7 da sua vida. 

3 possibilidades de solução: 1 - Encontre o meio termo entre seu prazer e sua missão. Mescle os dois com sabedoria. Converse com seu nutricionista ou médico e exponha suas limitações, suas condições e assine um contrato justo com você mesmo. Mesmo que isso demore mais tempo. Não adianta alcançar rápido seu objetivo sem garantias de que ele irá se manter. 2 - Faça uma lista de todos os alimentos, ações e mudanças que você ainda não está pronto para fazer. Seja fiel e complacente consigo mesmo. E faça uma lista de tudo aquilo que você sabe que precisa mudar, que não será tão fácil, mas que valerá à pena no final. Lembre-se: somos seres extremamente adaptáveis e temos condição de mudar todos os nossos hábitos por novos hábitos. 3 - Antes de iniciar sua jornada, PREPARE SEU AMBIENTE. Avise seus familiares, amigos, cônjuge que vai iniciar uma nova jornada e precisará do apoio deles. É sério. As pessoas ao seu redor, que não estão vivendo a mesma fase ou mudanças que você, podem ser os maiores obstáculos que você irá enfrentar. Se tiver o apoio delas tudo ficará mais fácil. Você colherá mais frutos e mudará seus hábitos de forma concreta, sólida e confortável. E assim, quem sabe, não acaba inspirando mais pessoas a entrarem com você nessa jornada. Prospere com sabedoria! Namasté, Xanda. 

#dicas #dieta #hábitos

104 visualizações